quinta-feira, 13 de Agosto de 2009

Violento acidente no IP4 provoca 2 mortos e 2 feridos

Mais um violento acidente no IP4. Ontem à noite, um despiste seguido de atropelamento provocou dois mortos e dois feridos graves.
José Fernandes, o comandante dos Bombeiros de Bragança, explica o que aconteceu.“Há o despiste de uma viatura onde vinham quatro ocupantes. Um deles foi projectado e colhido por outra viatura que seguia atrás. A GNR está a apurar as causas do acidente. Todas as vítimas tinham na casa dos 30 anos.
O acidente aconteceu ao quilómetro 197 do IP4, na recta de Sortes, por volta das 22h30. Um Renault Clio que seguia no sentido Vila Real-Bragança, entrou em despiste, capotando em seguida. Uma das ocupantes foi cuspida e acabou atropelada por um Citroën Xsara que seguia no mesmo sentido, sofrendo morte imediata. Neste segundo automóvel seguia um casal de emigrantes, originário de Alfândega da Fé, que regressava a França. A outra vítima mortal viajava ao lado do condutor.Segundo o comandante dos Bombeiros de Bragança, este é um dos acidentes mais violentos que aconteceram no IP 4 nos últimos anos.“Já assisti a alguns acidentes e este é um dos mais graves. É numa recta, há dois mortos e as causas ainda não estão apuradas. E depois, porque houve um atropelamento, coisa que não costuma acontecer.
As vítimas resultam normalmente de embates frontais ou despistes. Aqui uma das vítimas foi colhida e não sabemos se a morte resulta de atropelamento ou do acidente”, concluiu José Fernandes.
Os dois feridos são uma outra mulher, grávida, com diversas escoriações e uma ferida na cabeça, e o condutor do veículo que se despistou, o mesmo indivíduo que há seis meses foi esfaqueado numa avenida de Bragança. Os bombeiros de Bragança fizeram deslocar ao local quatro ambulâncias e uma viatura de desencarceramento e uma viatura de comando.
O trânsito esteve condicionado durante mais de duas horas, para remoção dos corpos e limpeza da via.
Com este acidente são já seis os mortos no IP4 só este ano.
Escrito pot Brigantia

3 comentários:

failde disse...

É preciso morrer mais alguem, para haver mais k motivos para uma auto estrada..ñ há ninguem em bragança k já ñ tenha perdido um amigo..isto custa..

failde disse...

E ajudam os bombeiros..eles é k vem em primeira mão estas desgraças..abraço para todos

Anónimo disse...

E VERDADE, QUANTAS MAIS PESSOAS PRECISAM DE MORRER PARA SE TER UMA AUTO-ESTRADA DE AMARANTE ATE BRAGANCA